Programa de Reconhecimento da Escola Formare AIPI premia educadores em todas as unidades

A iniciativa reconhece o empenho e a dedicação dos Educadores Voluntários, dos líderes e profissionais de Recursos Humanos que, em todas as unidades da Escola Formare AIPI, transformam vidas por meio da educação

O Programa de Reconhecimento da Escola Formare AIPI, criado pelo Instituto AIPI, premiou nos dias 11, 12 e 13 de maio – nas unidades de Luiz Antônio (SP), Três Lagoas (MS) e Mogi Guaçu (SP), respectivamente – um total de 15 educadores voluntários pelo empenho e dedicação aos seus alunos.

Com o objetivo de incentivar a transformação pela educação com base em critérios como a frequência do educador em sala de aula e o estímulo do profissional à participação das turmas nas aulas, o programa de reconhecimento foi realizado por meio da análise de indicadores feita pelos  estudantes e contemplou cinco profissionais por unidade – três Educadores Voluntários das disciplinas de Base Instrumental e dois da Base Tecnológica em cada uma das escolas –, além de líderes de treinamento envolvidos com o projeto e profissionais de Recursos Humanos apoiadores de todas as ações da Escola  Formare AIPI. Cada reconhecido ganhou um vale-presente para utilizar na compra de livros e assim, seguir fomentando a educação.

O professor Fábio Henrique Silva, premiado em Três Lagoas, falou sobre a sensação de fazer parte do projeto: “Para mim, foi uma grande honra ter esse primeiro contato com o voluntariado. Fico ainda mais honrado em fazer parte de um projeto tão grande e especial, como é o Formare. Poder compartilhar um pouco do conhecimento que temos e o nosso dia a dia dentro de uma empresa global como é o caso da IP, é fantástico”, contou, incentivando a iniciativa e desejando aos alunos formados sucesso na carreira escolhida por eles.

Já a Ana Maria Pereira, Educadora Voluntária em Mogi Guaçu, dividiu a sua satisfação em ser voluntária: “O trabalho voluntário me humaniza, me faz atuar ajudando os outros, aquecendo o meu coração e assim, proporcionando um bem-estar incrível. Isso me faz ter certeza de que recebo muito mais do que doo. O retorno é sempre inesperado e muito positivo, como este reconhecimento”, afirmou.

Para o Educador Voluntário da unidade de Luiz Antônio, José Adalberto, o caminho é sempre a educação: “No Formare, ensinar não é tornar a vida de alguém mais fácil, é dar a opção do melhor caminho: a educação”.

Especialmente no cenário desafiador que estamos vivendo , o voluntariado tornou-se ainda mais importante. Agradecemos a todos os voluntários que nos ajudam diariamente e se dedicam a transformar a vida de tantos jovens.